24.6.19

My Super Sweet Morning #73

Depois de uma semana por Praga com um tempo tão quente - às vezes até com demasiado calor...
Super
...volto e tudo o que sinto são summer cravings - e frio!

Só queria poder fazer praia, sentir o sol na pele e ver o bronze a aparecer, coisas normais de verão.

Nem peço muito, mas com este tempo tropical é melhor não fazer planos, não é?


Fringers crossed para termos um fim-de-semana e, até lá, tenham uma ótima semana!
 
&

15.6.19

Barcelona | Onde Comer - E Onde Não O Fazer!

Em Barcelona sentimo-nos (quase) sempre com sorte nas nossas escolhas!

Barcelona

No primeiro dia experimentámos o Oassis.
Ficámo-nos pelos hambúrgueres mas a escolha era muita e não foi fácil: pizzas, petiscos, bowls... tudo o que vi passar tinha ótimo aspeto!
A nossa comida era muito boa, as limonadas que escolhemos também, mas o que mais nos deixou a babar foram as batatas fritas - normais, mas com o molho das patatas bravas.
Bom, bonito, barato e bem localizado - este é, sem dúvida, um must-go!

Barcelona


Barcelona


Barcelona

À noite voltámos a acertar em cheio!
Jantámos no A Tu Bola e, embora tenhamos ido um pouco ao engano - achávamos que era um restaurante especializado em croquetes, quando na verdade as bolas que dão nome ao restaurante são de 1001 coisas nada a ver - adorámos novamente.
O sítio é bonito e acolhedor, a comida ótima e muito bem servida - não conseguimos comer tudo - e o atendimento mega simpático.

Barcelona


Barcelona


Barcelona

O segundo dia foi mais corrido e de improviso:.
Almoçámos restos do hummus que sobrou do jantar - era tão, tão bom que tivemos mesmo de pedir para levar o resto - e jantámos no McDonald's - gosto de experimentar os de diferentes países, mas este era bem parecido ao nosso (havia umas batatas diferentes mas não soube pedir, buaaaah).
Pelo meio experimentámos uma sandwich de gelado - duas cookies com gelado no meio. Era bom mas não era imperdível e era demasiado grande, fiquei cheia toda a tarde.

Barcelona

No terceiro e último dia começámos muito bem e acabámos um bocado mal...
Queríamos comer ovos rotos e não estava assim tão fácil quanto poderia parecer. Lá vimos meia dúzia de opções e escolhemos ir ao Samoa. Mais uma vez super bom, não os ovos em si, que eram bons mas não os melhores que já provámos, mas o almoço no geral.
Acabámos por pedir vários petiscos e ficámos super satisfeitos. Pensámos em voltar para jantar - queríamos paella - mas, sendo esta a nossa última refeição em terras de nuestros hermanos não resistimos a ir experimentar mais um sítio: afinal se tudo tinha corrido tão bem até agora qual era a probabilidade de correr mal?

Barcelona

Olhem, a probabilidade ao certo não sei dizer, mas a verdade é que correu!
De entre vários que vimos - alguns graças aos empregados na rua a tentar angariar empregados - acabámos por escolher um bastante discreto (com pouca gente e ninguém cá fora a fazer publicidade) mas com muito bom ar - o El Gran Cafè.
Não era muito barato em relação ao que tínhamos pago nos outros dias, mas achámos que o menu justificava o preço. Bem, a quantidade de comida até justificava, mas a qualidade não, de todo! As entradas estavam boas - só boas, não estavam magníficas, nem sequer deixam saudades - a paella, por sua vez, não estava boa de todo, de todo - salgada, mal recheada e com o arroz mal cozido - as sobremesas eram normaizinhas - um leite creme bom, um brownie aquecido no micro-ondas antes de servir, salvo por um gelado de baunilha banal mas que disfarçava a textura emborrachada.
Embora tenha lido algumas boas críticas, li outras que confirmam o que digo. Eu não aconselho de todo este restaurante: embora já tenha comido pior, esta foi a pior experiência que tive em Barcelona e, ao mesmo tempo, a refeição mais cara que fizemos!

Barcelona

Barcelona

Barcelona

Espero que tenham a oportunidade de visitar Barcelona e que este meu post vos seja útil!
 
&

12.6.19

Mss Review #22 | Máscara Facial Ecobeauty

A review de hoje é diferente das últimas que tenho trazido e sobre algo que tenho utilizado muito pouco...

Review

...uma máscara facial!


Se há uns anos era algo completamente enraizado na minha rotina - todos os sábados, religiosamente, fazia uma máscara esfoliante seguida de uma purificante - hoje em dia virou exceção, mas estou a tentar mudar isso!

Depois do meu primeiro dia de praia de 2019 cheguei a casa com vontade de mimar a pele e lembrei-me de experimentar este produto - a máscara facial EcoBeauty, da Oriflame, à base de argila rosa e aloe vera - e, claro, aproveitar para escrever mais uma review!

Review

Em primeiro lugar - super importante! - lavei a cara até estar livre do protetor solar e outras impurezas.

Depois foi só aplicar o produto por toda a cara, evitando a zona dos olhos. Existem espátulas próprias para o efeito, mas como não tinha nenhuma em casa fi-lo com os dedos.
A máscara começa a secar muito rapidamente, pelo que convém serem rápidos na aplicação!

Por último espera-se 10 minutos - são as instruções da embalagem e é o suficiente para que seque totalmente - e retira-se com água tépida.

Então e resultados?


Esta não é a melhor máscara que já usei e não acho que tenha uma boa relação qualidade/preço. No entanto, a Oriflame tem muitas promoções e facilmente apanham um produto que querem com um preço mais baixo (basta estar atento aos catálogos) e assim sim, acho que poderá valer a pena.

Quanto aos efeitos não senti nenhum que se destacasse no imediato, mas olhando mais atentamente consegui ver algumas coisas boas: alguns pontos negros, embora não tenham saído, ficaram mais fáceis de extrair.
Por outro lado, o produto promete suavizar a pele e não notei diferenças a esse nível...

Review

Embora tenha perdido o hábito, eu gosto muito de fazer estes tratamentos em casa, acho um momento verdadeiramente relaxante e, apesar de não ser o melhor produto que já experimentei, acho que vou voltar a usar.

E vocês, vão dar uma hipótese a esta máscara depois desta review?
 
&